Header Ads

Intel faz demonstração do Tizen em um ultrabook

A Intel fez uma demonstração do Tizen, sistema operacional baseado em Linux, em um ultrabook. A plataforma foi pensada para rodar em tudo: de TVs a celulares. O projeto conta com o apoio da Intel e da Samsung, duas grandes interessadas em tornar o descendente direto do MeeGo um SO competitivo no mundo dominado por Windows, Android e os sistemas da Apple.

A demonstração da Intel é a primeira oportunidade de ver o Tizen em funcionamento em um sistema organizado como um PC comum. A interface gráfica da plataforma ganhou uma cara fácil de associar a diversas distribuições Linux. O Tizen Shell foi desenhado em cima do Gnome e, ao menos a princípio, não apresenta grandes rupturas em relação ao que há no mercado em termos de sistemas operacionais.

O grande apelo da plataforma está na sua versatilidade. Criada para ser facilmente adaptável a diversos tipos de sistemas embarcados, ela pode rodar grande parte de suas ferramentas através do HTML5, o que permite que ele tenha o mesmo perfil do Chrome OS, que depende da nuvem para funcionar.

Ainda em desenvolvimento, a promessa é de que todo o códiogo do Tizen seja disponibilizado no site do projeto até o fim do ano, o que permitirá que fabricantes de sistemas e usuários façam modificações na plataforma para atender suas necessidades. Quem for mais impaciente, pode baixar imagens prévias do SO e instalar as versões que rodam em computadores com processadores Ivy Bridge.

 Intel faz demonstração do Tizen em um ultrabook

Nenhum comentário