Header Ads

Facebook mudará sistema de preços e pagamentos em games sociais

Em breve, os usuários de games sociais no Facebook verão mudanças na forma como pagam parar ter acesso a funções e extensões desses jogos.

A empresa encerrará o atual sistema de pagamentos, o Credits, para os jogos sociais que rodam na rede a partir de 12 de setembro, informou a companhia nesta quarta-feira (5). Com isso, os preços poderão ser alterados com maior dinamicidade e variar de país para país.

O dinheiro vindo dos jogos é a segunda maior fonte de receita do Facebook, logo atrás dos anúncios.

Nesta semana, a desenvolvedora Zynga, empresa que já chegou a responder por quase 20% da receita da rede social, anunciou a demissão de 18% de sua força de trabalho.

No entanto, a participação da companhia caiu desde a abertura de capital da rede social em 2012.

A data foi fixada em setembro para que os desenvolvedores dos games tenham, ao menos, 90 dias para migrar os aplicativos para o novo sistema, em forma de API. Após 12 de setembro, o Facebook não irá mais oferecer suporte ao Credits.

O anúncio concretiza a promessa feita pela rede social em março de 2012 de que iria encerrar o Credits, considerado muito complicado.

Segundo o Facebook, o novo sistema dará maior controle aos desenvolvedores sobre os preços dentro de seus games e as formas de pagamento.

Com a migração, os desenvolvedores poderão estabelecer diferentes preços dentro de seus games que mudam por localização geográfica. A cobrança poderá ser feita na moeda local.

A ferramenta também permitirá a captação de informações dos itens vendidos no momento da compra. Com essas informações, os usuários poderão alterar os valores dinamicamente para dar aos desenvolvedores “flexibilidade para decidir quando precificar os itens”, informou o Facebook.

 Facebook mudará sistema de preços e pagamentos em games sociais

Nenhum comentário