Header Ads

Jogo on-line 'World of Warcraft' perde 1,3 milhões de jogadores

Durante anúncio fiscal na quarta-feira (8), o presidente-executivo da Activision Blizzard, Bobby Kotick, revelou que o popular game on-line massivo (MMO) "World of Warcraft" perdeu 1,3 milhões de assinantes no último trimestre fiscal da empresa encerrado em 31 de maio.

Com isso, o game que chegou a ter mais de 12 milhões de assinantes pagos, agora tem 8,3 milhões, segundo o executivo. A queda, segundo ele, ocorreu em maior parte no Oriente, mas houve redução significativa no Ocidente, embora números específicos das regiões não tenham sido revelados.

Para tentar reverter a situação, a Blizzard, responsável pelo jogo, irá lançar novos conteúdos gratuitos para a franquia com maior frequência. Além disso, a empresa quer facilitar as partidas para aqueles que pararam de jogar "World of Warcraft" e desejam voltar ao game sem ter problemas de adaptação.

Além das expansões de "World of Warcraft", sendo que a última lançada foi "Mists of Pandaria" em setembro de 2012, a Blizzard permite que os jogadores tenham acesso gratuito ao jogo on-line até que seus personagens atinjam o nível 20. Depois, é necessário pagar uma mensalidade de R$ 15.

"World of Warcraft" foi lançado originalmente em 2004, mas chegou ao Brasil apenas em dezembro de 2011.

Jogo on-line 'World of Warcraft' perde 1,3 milhões de jogadores

Nenhum comentário