Header Ads

Controle do Xbox One terá 40 mudanças; veja a evolução

O Xbox One foi anunciado hoje (21) e diversas dúvidas sobre as características do novo console foram respondidas pela Microsoft. Dentre as revelações está o novo controle, que apresenta um visual levemente modificado. Porém, além do botão 'Guia', que foi reposicionado no topo do joystick, a empresa diz que há mais 39 mudanças no acessório. Portanto, aproveitamos para relembrar todos os modelos de controle, desde o primeiro Xbox. Confira:

O famoso “Xbox Controller” nasceu junto com o Xbox original, lançado em 2001. Ele era um dos maiores joysticks da época, com uma carcaça bem avantajada, mas tinha o diferencial de apresentar dois analógicos em posições diferentes do DualShock, da Sony. Outra diferença eram os botões de comando mais precisos.

Contudo, esse controle original gerou uma série de reclamações entre os fãs da Microsoft. A principal delas era sobre a ergonomia do equipamento, que não era das melhores. Pensando nisso, a companhia relançou o acessório em 2002 com o nome de “Controller S”, também conhecido como “Controle Japonês”. O modelo modificado era menor e com leves modificações em seu design.

Os botões 'Back' e 'Start' agora ficavam ao lado, e não mais no meio, e o controle perdeu boa parte de seu volume, principalmente a “barriga” que tinha na parte inferior, melhorando não só a pegada, mas deixando também seu visual mais bonito.

As mudanças radicais vieram no controle do Xbox 360, também chamado de “Controller S”, mas como uma nova versão do anterior. Até hoje ele é um dos joysticks mais elogiados entre os gamers, por conta da sua ergonomia praticamente perfeita, principalmente em jogos de tiro, por conta de seus gatilhos em posições estratégicas.

Entre as principais mudanças deste em relação ao joystick do Xbox original está a ausência de fio – nas versões que saíram após o lançamento do 360 -, presença de pilhas e baterias em alguns casos, remoção dos botões 'Black' e 'White' e a redução do botão 'Home', o grande 'X' que ficava no meio do controle original.

O botão 'Home' também funcionava de forma diferente neste novo modelo, já que ele indica qual é o número do controle conectado, com um LED que fica ao redor do símbolo do Xbox. A única crítica dos fãs para com o joystick era o direcional digital, que não funcionava bem em jogos de luta e outros que exigiam mais precisão. Isso foi sanado pela Microsoft com um novo modelo que saiu em 2010, chamado de Transforming D-Pad, que permitia reconfigurar a posição do direcional.

Com o Xbox One, a Microsoft promete inovar nos controles mais uma vez. Durante sua apresentação ao vivo para mostrar o console, a empresa garantiu que o joystick agora foi modelado “para gamers e por gamers”, o que nos dá a entender que todas as reclamações antes notadas estarão resolvidas.

 Controle do Xbox One terá 40 mudanças; veja a evolução

Nenhum comentário