Header Ads

Pesquisa estima valor de perfis falsos no Twitter em US$ 40 milhões

Dois especialistas em segurança italianos estudaram os aspectos econômicos e técnicos da comercialização de seguidores de "RTs" falsos no Twitter, chegando a uma estimativa de que a atividade movimenta entre US$ 40 milhões e US$ 360 milhões (R$ 80 milhões a R$ 720 milhões). Andrea Stroppa e Carlo De Micheli calcularam que o Twitter abriga 20 milhões de perfis falsos e usaram dados de um vendedor, que disse ganhar entre US$ 2 e US$ 30 (R$ 4 a R$ 60) com cada perfil falso.

Os especialistas dizem que há diversos serviços que comercializam perfis falsos, mas eles se limitaram a analisar os que consideraram mais populares: Fiverr, SeoClerks, InterTwitter, FanMeNow, LikedSocial, SocialPresence e Viral Media Boost. As estimativas se baseiam apenas nas atividades desses sites.

Os seguidores falsos são vendidos em pacotes. Os preços para compra de seguidores vão de apenas US$ 1 a US$ 1 mil (R$ 2 a R$ 2 mil), e os pacotes podem chegar a um milhão de seguidores. Cada conta é vendida a mais de um comprador.

De acordo com a dupla de especialistas, os perfis falsos são bem parecidos e até "mais reais" do que perfis verdadeiros. "Existem softwares para criar perfis falsos. Algumas das contas falsas são melhores do que as verdadeiras", afirmou Stroppa em entrevista ao jornal "New York Times". Um software pode criar até 100 mil contas em 5 dias.

Um dos sinais de um perfil falso é que ele tende a seguir muita gente, mas não ter atividade ou não ser seguido por quase ninguém. É assim que ferramentas como a FakeFollowers (acesse aqui) tentam determinar a quantidade de perfis falsos que seguem uma conta. Alguns perfis falsos, no entanto, trazem milhares de tuites, descrições biográficas e outros dados que o fazem parecer realistas.

Ao "New York Times", o Twitter informou que tenta barrar os perfis falsos, mas que a tarefa é complicada. Diferente do Facebook, o Twitter não tenta impedir que uma mesma pessoa tenha múltiplos perfis. E há muitos usuários do Twitter que usam a rede social apenas para acompanhar as atividades de outras pessoas, o que faz com que esses perfis verdadeiros pareçam falsos. "É um problema difícil", disse o porta-voz da rede social.

Pesquisa estima valor de perfis falsos no Twitter em US$ 40 milhões

Nenhum comentário