Header Ads

Ação do Google pode romper US$ 900 com estabilidade de negócio

A ação do Google deve retomar a tendência de alta, passando de menos de US$ 800 atualmente para cerca de US$ 900, disseram analistas nesta sexta-feira (19), após o forte lucro trimestral da gigante de buscas reforçar sua posição como favorita do setor de tecnologia.

Pelo menos cinco analistas aumentaram o preço-alvo para a ação num intervalo de 12 meses, entre US$ 50 e US$ 130 por ação, para US$ 820 a US$ 925. Outros três, que já tinham um preço-alvo para o papel acima de US$ 935, reiteraram suas estimativas.

Alguns analistas disseram que a previsibilidade dos resultados do Google nos últimos trimestres estava permitindo a eles modelar melhor os ganhos e as tendências de preço de ação.

A força do negócio de buscas, principal do Google, que confere estabilidade aos seus resultados globais, também vai ajudá-lo a financiar projetos como o Google Glass e redes de alta velocidade, enquanto a empresa busca novos fluxos de receita, disseram alguns analistas.

As ações do Google chegaram ao pico de US$ 844 em março, mas caíram desde então diante da incerteza em relação ao negócio de publicidade móvel e sua divisão Motorola.

Alguns analistas ainda disseram que esperam que a ação chegue a US$ 1 mil em breve.

Ação do Google pode romper  US$ 900 com estabilidade de negócio

Nenhum comentário